neve

segunda-feira, 18 de abril de 2011

COMO CUIDAR DAS PLANTAS EM SUA CASA


Para mantê-las bonitas, viçosas e saudáveis



Estejam dentro ou fora de casa, as plantas precisam de cuidados especiais para se manterem bonitas, viçosas e saudáveis.
A arquiteta e paisagista Daniela Sedo dá dicas simples e valiosas para você conservar e cuidar de suas plantas nas áreas internas e externas de sua casa.

Conheça as características das plantas


Para cuidar corretamente das espécies de plantas que você possui em sua casa, é preciso conhecer as características de cada uma delas. É essencial saber, por exemplo, se elas precisam de sol ou de sombra para se desenvolverem saudáveis.
"Enquanto uma planta pode precisar de sol em abundância para se desenvolver, outra espécie, ao contrário, só crescerá saudável em um ambiente com sombra", afirma a paisagista Daniela Sedo.



Como cuidar das plantas de sol





São chamadas de espécies de sol as plantas que necessitam de incidência direta da luz do sol em suas folhas. Além da Variegata (imagem), outros exemplos são Pleomeli, Amor perfeito, Acalifa, Altéia e Alamandra.
Segundo Daniela Sedo, as espécies de sol geralmente possuem seus torrões - raízes com terra - mais fortes e rústicos do que as de sombra, por isso são um pouco mais resistentes.
Normalmente essas espécies crescem em solo de terra e exigem água em abundância, sendo aconselhável regá-las de 3 a 4 vezes na semana, bem como adubá-las constantemente.
Os cactus são exceção, por serem espécies de sol capazes de absorver a umidade do ar através de uma fina pelugem que cobre suas folhas. Essas plantas preferem solos arenosos e podem apodrecer caso sejam constantemente regadas ou durante as longas temporadas de chuva.


Como cuidar das plantas de sombra




As chamadas espécies de sombra ficam mais bonitas quando plantadas em solos enriquecidos com serragem, húmus e outros nutrientes necessários à satisfação de suas necessidades orgânicas. A serragem auxilia na aeração do solo, permitindo que as plantas se alimentem melhor. A compactação excessiva do solo pode impedir que as finas raízes dessas plantas se desenvolvam.
Por possuírem raízes finas, espécies de sombra também precisam de solos bem drenados, do contrário, podem facilmente apodrecer.
As menores espécies de sombra medem cerca de 20 centímetros, enquanto as mais altas chegam a medir 2 metros de altura.
Segundo a paisagista Daniela Sedo, são exemplos de espécies de sombra: Bromélia (foto), Bálsamo, Bambu da fortuna, Banana Imbê, Begônia e Beijo de Frade.





Limpeza das folhas das plantas


Entre os cuidados cotidianos com as espécies cultivadas em casa, deve estar a limpeza das folhas, isso permite que elas respirem melhor, evitando o surgimento de pragas.
"As folhas secas sempre devem ser retiradas da planta e a limpeza pode ser feita passando um pano úmido nas folhagens. As plantas absorvem a água pelo solo, portanto, não é preciso pressionar com força as folhas, até porque essa é a parte mais sensível de uma planta. É importante ressaltar que não podemos encharcar as plantas".



Os fungos estão atacando suas plantas?












A presença de fungos é indicada pelo aparecimento de folhas amareladas e sem vida. Normalmente, os fungos se desenvolvem em ambientes excessivamente úmidos, portanto, caso perceba o ataque desses micro-organismos em suas plantas, diminua a quantidade de água das regas ou sua frequência e elimine as folhas e ramos atingidos



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails